Corra: 150 vinhos para cair de boca

A importadora Vinci (do mesmo dono da Mistral) realiza hoje e amanhã em São Paulo, e quarta-feira no Rio, o evento Vini Vinci, no qual 25 belos produtores de vários países (representados, em geral, pelos proprietários ou enólogos) apresentarão cerca de 150 vinhos para o público pagante. (Custa 120,00 por pessoa, para beber e conversar à vontade -- mas é preciso comprar por telefone, 0xx11 6097-0000.)

Hoje foi o almoço de apresentação para a imprensa em São Paulo. Na minha mesa estavam a italiana Caterina Dei, da Dei Azienda Agricola Montepulciano, da qual provamos um sedoso Vino Nobile di Montepulciano 2002 (feito com a uva prugnolo gentile em 80%); o chileno Oscar Salas, da vinicola Terra Andina (que pertence à Santa Rita), da qual bebemos um Chadonnay reserva 2002 vinificado parcialmente em barrica no vale de Casablanca; e o sul-africano Duncan Woods, diretor das vinícolas Guardian Peak, Rust en Vrede e Ernie Els (entre outras), da região de Stellenbosch -- dele bebemos o Guardian Peak Frontier 2004, corte de Cabernet Sauvignon, Shiraz e Merlot.


A produtora Caterina Dei, o enólogo Oscar Salas e o diretor Duncan Woods, com os respectivos vinhos